Escolha uma Página

Sem dúvida esse é um assunto muito pessoal, pois cada um tem a sua realidade e afinidade com uma ferramenta, no entando, neste post discutiremos principalmente sobre vantagens e desvantagens de algumas opções específicas, e poderá ajudar aquele que não está satisfeito com os métodos que está utilizando no momento.

E-mail corporativo não da certo em webmail… Será?

Até alguns anos atrás, esse era um pensamento quase absoluto entre as empresas, porém, com o grande advento dos dispositivos móveis e a melhora da velocidade da internet, ele começou a perder forças.

Mas afinal, qual será de fato a melhor alternativa para os e-mails da empresa, utilizar clientes de e-mail como Outlook, Outlook Express, Thunderbird, etc… ou deixar o webmail como a ferramenta padrão para todos os colaboradores?

Sem dúvida os clientes de e-mail tornam um pouco mais prática a criação e gerenciamento dos e-mails, porém, é fato que alguns webmails, e dou aqui destaque para o Gmail, tem aperfeiçoado consideravelmente sua interface deixando muito pequena a diferença de praticidade e usabilidade com relação aos clientes de e-mails locais.

Pra mim, a regra que utilizo e sugiro é a seguinte:

Se o e-mail será acessado em uma única máquina, por exemplo um setor de um escritório que é fixo, toda e qualquer operação e gerenciamento desses e-mails só é feito ali, com certeza um cliente de e-mail local bem instalado e configurado (provavelmente utilizando o POP3, veja mais sobre isso neste link) é a melhor alternativa, mas deve sempre deixar uma opção básica de webmail como saída de emergência.

Agora se é alguém que precisa acessar o e-mail em vários dispositivos como notebook, netbook, computador da casa, do escritório, no celular, etc… Esqueça a opção de POP3 e comece a se acostumar com um webmail, pelo menos para acessar nos dispositivos auxiliares, que você se incomodará menos com configurações e backups.

Duplinha infalível nos e-mails de quem não pára…

Após uma longa e cansativa jornada lutando com Outlook, Outlook Express, Thunderbird e outros além das diversas interfaces de webmail, consegui fixar em uma dupla que por enquanto tem dado certo: Gmail Apps e Mail (Mac) ou Thunderbird (Windows e Linux).

Eu sou do tipo “ambulante”, estou sempre saindo e as vezes viajando, utilizo um Macbook como ferramenta principal mas outros auxiliares como um PC com Windows e Linux e Smartphone. Para cada local ou situação é um que utilizo, e como os e-mails são um dos meus principais canais de relacionamento com os clientes, preciso que isso funcione muito bem. E só consegui um pouco de sossego após me deparar com essas opções acima mencionadas, ou seja:

Webmail: Gmail (Google Apps com o meu domínio);
No Mac: Mail (Cliente de e-mail como o Outlook Express);
No Windows e Linux: Thunderbird (Cliente de e-mail melhor que o Outlook Express);

Com o meu domínio configurado no Gmail, tenho disponível 7GB em cada conta de e-mail, o que tem sido mais que suficiente nestes 2 anos que utilizo exclusivamente este recurso. Nele eu tenho a facilidade de manter todos os outros e-mails alternativos apontando para ele, assim não preciso acessar Hotmail, Bol, Yahoo, Ig e webmails de outros sites e empresas que mantenho.

O Thunderbird

É ótimo, principalmente por se comunicar muito bem com o Gmail utilizando o recurso de etiquetas e estrelas para organizar os e-mails. Outra vantagem dele é a possibilidade de adicionar extensões e plugins que ampliam muito os recursos criando facilidades que nem imaginamos que existem. Porém, quando migrei para o Mac, comecei a ter problemas em sua versão para Mac que com certa freqüência perdia a sessão, assim, depois de estar com o e-mail prontinho para enviar, dava o erro e não tinha o que fazer. Tentei atualizar, reinstalar, rezar, mas tudo em vão!

A solução foi utilizar o Mail que é o cliente de e-mail nativo do Mac, muito bom e consistente, só não tem alguns recursos e estrelinhas que eu estava acostumado no Thunderbird.

O Outlook Express

Esse é como a primeira namorada, conhecemos, encantamos e depois descobrimos que nem tudo é tão belo e perfeito assim! (Eu sei que existem as exceções nos casos de namorados e namoradas, ok?) Usá-lo com o IMAP principalmente do Google, é um verdadeiro teste de paciência. Trava o tempo todo (Não é muita novidade isso no Windows), além do Bug dos 2GB de anexos enviados que foi muito sofrimento para descobrir. Decidi viver a vida e no Windows e Linux ser feliz com o Thunderbird.

Outlook

Pra mim ele é o “canivete suíço” dos e-mails, já tentei utilizei um tempo, principalmente por causa da agenda, mas em seguida começou a ficar inviável pela questão da portabilidade, me apeguei então à Agenda do Google que devido sua integração com e-mails e outros aplicativos além das notificações por SMS, se tornou uma ferramenta indispensável para mim.

Resumo e considerações finais

Pra quem só utiliza um computador

O Thunderbird ou Outlook Express configurado com POP3 pode resolver bem sua situação, é fácil de configurar e trabalhar e pode ter os e-mails no computador sempre que quiser independente de estar conectado ou não.

Pra quem acessa de vários computadores ou dispositivos

Neste caso meu conselho é utilizar a plataforma do Gmail com o Google Apps, ativar o IMAP, e no computador principal, se utilizar Windows ou Linux, configurar o Thunderbird para receber os e-mails, se for Mac, utilize o Mail mesmo.

Conselho não é regra

Obviamente que isso é um conselho, ou seja, minha opinião, pode ser que sua realidade seja diferente ou simplesmente não concorde com o meu ponto de vista, porém, sua opinião será muito bem vida, deixe-a nos comentários, ok?

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...